sexta-feira, abril 13, 2007

Quando o sábio aponta para o céu, o idiota olha o dedo


(do mestre Singer, encontrada no site da Massa Crítica do Porto)

voltar ao topo

Comments:
Porra, legal que eles traduziram esse quadrinho... tinha postado no blog a um tempo atrás.
Da para trocar etanol por hidrogênio fácil, fácil!
 
Fato estranho foi à união do jornal O "Estadão" com a "Veja". Ousadia ou necessidade? Outro fato hilariante foram às críticas do ex-presidente e entreguista FHC ao presidente Lula de conversar com os líderes da oposição para aprovar projetos de interesse do país. O que você precisa tomar conhecimento é entrevista bombástica do ex-repórter da TV Globo, Rodrigo Vianna: demitido após se recusar a assinar um abaixo-assinado defendendo a cobertura eleitoral da emissora, confirma que, de fato, existe interferência política no Jornal Nacional. "Será que a Rede Globo fez uma opção parecida com a da Igreja Católica de Ratzinger?" A grande imprensa e seu colunismo político golpista vivem comparando o crescimento econômico do Brasil com o do Haiti por conta da evolução do PIB que este país tem apresentado nos últimos dois anos, pois aquele país tem crescido pouco devido aos problemas político-institucionais e sociais que enfrenta. Acesse o DESABAFO PAÍS. Daniel - http://desabafopais.blogspot.com
 
Opa achei teu blog pelo google, tá bem interessante. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Até mais.
 
Muito bom, Luddista. Adorei.
Diga-se de passagem, essa charge me lembrou um conto do André Sant’Anna: "O importado vermelho de Noé". Não deixe de conhecê-lo (creio que você adoraria citá-lo aqui no apocalipse motorizado).
 
Outro dia li umam matéria sobre p PIB (Produto Interno Burro). A argumentação dizia que se basear no PIB para medir o desempenho econômico de um país seria como um taxista contar apenas o lucro sem levar em conta o desgaste do carro. É o que fazemos a muitas décadas né? Nos vangloriamos de nossos PIB's e nos esquecemos que deixam de fora os números da destruição sócio-ecológica de nosso povo e território. Triste.

Adorei o quadrinho.

Ícaro Brito
 
O link para esse post ficou engraçado... :D
 
Postar um comentário

<< Home